ATUALIZAÇÃO DO NAVEGADOR

Detectamos que você não está usando a versão mais atual do seu navegador. Atualizando para a versão mais recente do Internet Explorer, você poderá ver e utilizar este site da maneira que planejamos, e sua navegação na internet ficará mais segura, pois o navegador estará atualizado de acordo com as mais recentes normas de segurança.

A ser definido
Em condições adversas, três protótipos Híbridos à Diesel da Land Rover se revelaram os carros híbridos mais capacitados de todo o mundo ao superar a lendária Rota da Seda.
Range Rover Híbrido na Rota da Seda, sendo seguido por um elefante.

Em um teste supremo de engenharia, eles partiram da sede da Land Rover em Solihull, no Reino Unido, e percorreram os 16.800km da Rota da Seda chegando em Mumbai, na Índia, 53 dias depois. A missão levou os veículos através da Europa e Ásia Central adentro, passando pelas míticas cidades da Rota da Seda - Bukhara e Samarcanda - rumo ao desafio máximo: o Himalaia.

Rota da Seda: Range Rovers Híbridos sobre terrenos desafiadores.

Nas altas altitudes do planalto tibetano, os Range Rovers Híbridos se depararam com uma incógnita técnica. Tendo que desempenhar no ar rarefeito a 5.000m, a pressão atmosférica reduzida desafiou os motores e os sistemas de refrigeração, além dos ocupantes dos Land Rovers. Mais de um terço do grupo de 14 pessoas sofreu com dores de cabeça, e duas delas precisaram de oxigênio. Mas os Híbridos revelaram uma vantagem. Seus motores elétricos foram capazes de compensar os efeitos negativos que o baixo nível de oxigênio teria em motores de combustão interna.

Rota da Seda: Range Rovers Híbridos por um caminho rochoso.

Ao chegarem em Mumbai, estes carregados e exigidos Híbridos proporcionaram um consumo inacreditável de 15,5-15,7km/l, confirmando que o Range Rover Híbrido é tão robusto quanto qualquer outro Land Rover - um veículo off-road excepcional pronto para qualquer desafio.

Aventura na Rota da Seda: Veículos híbridos em uma estrada de terra.